quarta-feira, 13 de Maio de 2009

Reanimação Cardio-Pulmonar (RCP)

O que é a RCP?

A RCP (Reanimação Cardio-Pulmonar) é a combinação de compressões torácicas e insuflações.
  • As compressões torácicas asseguram um pequeno, mas crucial, aporte de sangue ao coração e ao cérebro.
  • As insuflações asseguram um fornecimento mínimo de oxigénio à circulação sanguínea.
Quando proceder à RCP?

Quando a vítima não responde e não ventila normalmente.

O que fazer?
  • Se estiver alguém perto de si, peça-lhe que ligue para o 112 e informe que está uma pessoa em paragem respiratória e que vai iniciar a RCP, diga-lhe ainda que responda a todas as perguntas que lhe forem feitas e que não desligue a chamada até lhe ser dito para o fazer.
  • Se não tiver ninguém ao seu lado, tem de ser você a chamar a ajuda diferenciada.

Nunca inicie as compressões e as ventilações antes de ter a certeza que o apoio diferenciado foi activado!

  • Quando os passos anteriores estiverem assegurados, inicie a RCP, alternando 30 compressões torácicas com 2 insuflações.

Como realizar as compressões torácicas?


1. Ajoelhe-se ao lado da vítima;
2. Coloque a base de uma mão no centro do tórax da vítima;
3. Coloque a base da outra mão em cima da primeira mão;
4. Enlace os dedos das duas mãos. Não deve pressionar nem as costelas da vítima, nem a porção superior do estômago, nem a porção inferior do esterno;
5. Certifique-se que os seus ombros estão directamente acima do centro do tórax da vítima. Com os braços esticados, exerça pressão 4 a 5 centímetros directamente para baixo.
6. Cada vez que pressionar para baixo, deixe que o tórax se eleve totalmente. Isto permitirá que o sangue flua de volta ao coração. As suas mãos devem manter-se sempre em contacto com o tórax sem sair da posição inicial;
7. Execute 30 compressões torácicas desta forma, a um ritmo de cerca de 100 compressões por minuto. Isto é equivalente a pouco menos de 2 compressões por segundo.


Como realizar as insuflações?

1. Incline a cabeça da vítima para trás e eleve-lhe o queixo;
2. Deixe ficar a mão na testa da vítima. Comprima as narinas da vítima com o seu polegar e indicador;
3. Com a outra mão, mantenha o queixo elevado e deixe que a boca se abra;
4. Inspire normalmente, incline-se para a frente e coloque a sua boca completamente sobre a boca da vítima;
5. Insufle ar para dentro da boca da vítima de forma homogénea e ao mesmo tempo verifique se o tórax se eleva. Deixe que cada insuflação dure cerca de 1 segundo;
6. Mantenha a cabeça da vítima para trás com a elevação do queixo. Eleve a sua cabeça para verificar se o tórax baixa;
7. Inspire normalmente e faça uma 2ª insuflação;
8. Reposicione as suas mãos adequadamente e continue com mais 30 compressões torácicas.

Notas:
  • A insuflação "boca-nariz" é uma alternativa viável à insuflação "boca-a-boca" se esta for difícil de executar.
  • Sempre que possível, recomenda-se o uso de máscara de protecção individual.
  • Se por algum motivo não quiser ou não puder executar as insuflações boca-a-boca, deve efectuar continuamente as compressões torácicas.

Quando deve parar as manobras de reanimação?
  • Com a chegada de pessoal qualificado que tome conta da situação;
  • Quando a vítima começar a ventilar normalmente;
  • Quando ficar exausto.

26 comentários:

Anónimo disse...

EU SOU BOMBEIRO MEU E LUCAS E SEI QUE NOS BOMBEIRO TEM QUE SAUVA VIDAS A NOSSA PROFIÇÃO E MUITO ARICADA.NOS SOCORRISTA TEM QUE TER BASTANTE PACIENCIA PARA UM ATENTIMENTO.

Anónimo disse...

BEM QUEM AMA A VIDA TEM QUE SE CUIDA DOS ACIDENDES E AMA O PROXIMO....

bruuuuuu disse...

O Cara do Primeiro comentario ae é Bombeiro e não sabe nem escrever..Ou ele ta mentindo ou Brasil é podre mesmo ao ponto de contratar uma pessoa para mecher com vidas sem mal saber escrever

Anónimo disse...

eu axu que pra salvar uma vida ão necessita saber ler e escrever...basta ter força de vontade para com o próximo....

Anónimo disse...

Q Bombeiro é esse, mande ele participar do soletrando do Luciano Huck. Aff.

Não é sauva é Salva, Profição é profissão....

deixe queto....
kkkkkkkkkkkkkkkkkk

Anónimo disse...

Eh foda pra que querer aparecer ? Nao é necessario saber escrever e nem ler pra salvar vidas ... tá certo mas pra ser bombeiro tem passar no concurso e todo mundo sabe q nao e facil com esse vocabulario entao ...

Anónimo disse...

***Bom ao primeiro comentário do "Bombeiro" é necessário Sim saber Ler e escrever.... depois quando um Profissional faz algum procedimento errado a culpa e de quem ? e outra como ele passo no concurso para bombeiro ? E que a profissão dele e linda isso não temos duvidas mas o Brasil precisa de pessoas capacitadas suficientes para todo tipo de profissão.! ****

Anónimo disse...

Esse camarada deve ser bombeiro há 30 anos!!! Entrou na época do "chega e assina e a carteira" .. kkkk
Mas a intenção dele valeu, é isso aí, salvar vidas! Abraço.

Anónimo disse...

O mais irônico de todos estes comentários é que aqueles que criticaram o português do Bombeiro, cometeram erros de português também!!! Escreveram mexer com ch e queto em vez de quieto. Antes de criticar o outro, olhe pra si mesmo!

Anónimo disse...

Para salvar vidas talvez não seja necessário saber escrever corretamente, mas pare ser um profissional qualificado sim!!!
Se uma pessoa não sabe escrever, que é uma coisa bem simples que se aprende na escola, como confiar um cargo tão importante como o de bombeiro?

Amanda disse...

isso ae quando ele for fazer a reanimação ao mesmo tempo ele vai soletrando o abecedario junto...santa ignorancia! já vi pessoas salvarem vidas que nem sequer sabiam escrever o proprio nome, e é muito engraçado fazerem uma critica com erros de portugues tb kkkkkkkkkk q contraditorio nao?entre a pratica e a teoria, fico com a pratica. Não se aprende o RCP lendo.
OBS: Sou enfermeira, e nao coloquei os acentos com preguiça mesmo rsrsrsrs

Amanda disse...

e digo mais, as merdas q vemos na televisão, são cometidas pela falta ou total ausencia de pratica, falta de atenção e desleixo dos profissionais!Vida não é uma maquina,é algo q se vc fizer merda nao tem como consertar, então aos criticos de plantao digo, muita responsabilidade quando se trabalha com vidas, e pode ter certeza esses q "c acham" os entendidos, são os que mais a cometem!

Anónimo disse...

O outro aí que critica o Bombeiro também não sabe escrever, é o sujo falando do mal lavado, aonde já se viu escrever mexer com ch,vai estudar pra depois ficar falando da vida dos outros, preocupe-se com seu umbigo pra depois olhar o umbigo dos outros,sou enfermeiro e acho que ele enfatizou bem quando referiu a paciência.

Anónimo disse...

O outro aí que critica o Bombeiro também não sabe escrever, é o sujo falando do mal lavado, aonde já se viu escrever mexer com ch,vai estudar pra depois ficar falando da vida dos outros, preocupe-se com seu umbigo pra depois olhar o umbigo dos outros,sou enfermeiro e acho que ele enfatizou bem quando referiu a paciência.

Mone disse...

É SEMPRE ASSIM UM QUERENDO SABER MAIS QUE O OUTRO E CONTINUA FAZENDO ERRADO O QUE ESTÁ EM QUESTÂO AQUI SÃO OS PROCEDIMENTOS QUE TEMOS QUE SABER AO PRESTAR UM SOCORRO NÃO ERRO GRAMATICAL OU CONCORDANCIA..AFFS' POVO IGNORANTE!!!BRASIL NÃO SOU BOMBEIRO TÁ,ANTES DE ACHAR QUE ESTOU DEFENDENDO SOU FISIOTERAPEUTA!!ACHO QUE AS PESSOAS TEM QUE TER RESPEITO COM PRÓXIMO

Anónimo disse...

Concordo com a Fisioterapeuta! esqueceram do procedimento e focaram o erro gramatical. O assunto é bem interessante,se aprofundar mais,fica bem melhor. Salvar vidas é fundamental,porém buscar aprimoramentos é essencial.

MARCELO NASCIMENTO disse...

SOU BOMBEIRO CIVIL,INSTRUTOR DO BRASIL RESGATE, TEC. EMERGÊNCISTA DO AEROPORTO GALEÃO RJ, E RESGATE OFF SHORE E MEDICINA OCUPACIONAL, ALÉM DO ENORME APRENDIZADO QUE ADQUIRIMOS DURANTE O TEMPO, UMA DAS MINHAS RESPONSABILIDADES É MULTIPLICAR ESSE IMFORMATIVO IMPORTANTE, QUE FAZ A DIFERENÇA "REANIMAÇÃO CARDIO PULMONAR" QUE POR SUA VEZ, DEVERIA SER MATÉRIA DE PRIMÁRIO, VIDAS ALHEIAS RIQUEZAS A SALVAR! resgatesalvamento@hotmail.com

MARCELO NASCIMENTO disse...

SER HUMANO É MUITO COMPLEXO, FAZEMOS DESSE MUNDO UM LUGAR SEMPRE HOSTIL. FALANDO DO TEMA...SE ALGUEM JÁ FICOU INTERNADO, OU PASSOU POR UMA SITUAÇÃO DE RESGATE...SABE QUE QUANDO VOCÊ OLHA NOS OLHOS DE QUEM VAI TE AJUDA, VOCÊ NÃO LEMBRA DAS AULAS DE PORTUGUÊS...ENFIM. APERFEIÇOAMENTO É SEMPRE NECESSÁRIO...BOMBEIRO, PAGA 10 FLEX
resgatesalvamento@hotmail.com

josafá ribeiro disse...

Bem, sou Técnico de Segurança e medicina do trabalho, por que que ao invés de criticarmos a linguagem do colega, não trocamos mais informações sobre o tema em discussão, quando que por alguns instantes temos um enfermeiro, uma fisioterapeuta e bombeiros no mesmo ambiente.

Vamos ao tema.

Jozafá Ribeiro

renato disse...

Acho que as pessoas se preocupam mais com o jeito de ler ou escrever de um colega ou outro. As pessoas que participam desse debate deveriam se preocupar como se deve proceder numa RCP pois esse procedimento pode salvar um pai, uma mãe, esposa e filhos. Acho mesquinho as criticas aqui citado pois para criticar é muito fácil difícil é ter coragem de trabalhar para salvar uma vida que pode ser um parente seu. E não importa se a vítima é analfabeto ou não. Mesmo porque muitos brasileiros são analfabetos. Dúvido que todos aqui sabem ao pé da letra toda a nova ortografia que foi criada na Brasil para analfebetizar mais ainda o brasileiro...

Anónimo disse...

redìculo esse carinha ai que tá julgando o bombeiro, ele é bombeiro. e vc deve ser um nada pois só um nada que fala mal de um pessoa que nem conhece, talvez ele um dia pederar salvar a sua vida ou de uma pessoa proxíma a vc; ai ele vai rir da sua cara e te dizer ai lembra do bombeiro analfabeto. sou eu, e agora vou começar a ler o abc até ver vc morrer kkkkkkkk... sorte sua que ele com certeza nâo deixaria vc morrer. nâo tá ai atoua ele é o bombeiro mané

Anónimo disse...

Na verdade pra ser bombeiro precisa sim saber escrever pois no final é feito um relatório sobre o que você fez alem disso se qualquer coisa que escrever no relatório esta errado e ao ver a vitima sofreu outro tipo de morte muito capaz do bombeiro perder o emprego e ser preso por recusar a salvar vidas e usar o procedimento errado,e a vocês que julgam o cara deveriam saber que isso é um site para Comentários ele pode muito bem saber escrever mais escreveu tudo errado com preguiça de apagar ou erro por não saber quem nunca errou faz favor de levantar a mão...
são procedimentos fáceis de entender então preste atenção nos comentários por mais que estejam errados e tentem compreender ! se for bombeiro ou não,não importa,o que importa e deixar sua opinião

Anónimo disse...

Indepedente das profissões, práticas e leituras: todos cometeram erros gritantes de português. Resultado de pouco estudo e principalmente pouca leitura. Uma boa linguagem é essencial à todos. Independente das profissões, práticas e leituras...

Paulo o The Tarso Gomes disse...

kkkkkkkk, galera não dá pra acreditar num cara destes né?, não ele não é bombeiro, hoje ele tem 15 anos (tinha 13 na época). e sim pra salvar vidas tem que obrigatoriamente saber ler e escrever, são muitos livros manuais e procedimentos que temos que aprender antes de nos formar, e depois de formado ainda temos cursos de especialização, em SP por ex. (que é onde trabalho) existe ainda ao profissional formado (policial militar\Bombeiro) o curso de Resgate, são quase 400 horas de curso que nos capacita a atuar nas diversas formas de tragédia com vida.
A matéria aqui da pagina ficou boa, mais precisa de atualização, já que desde o final de 2009, quem não é socorrista profissional, não precisa fazer respiração boca-a-boca. apenas as compressões.

Eliene Costa disse...

Boa noite a todos ... Aqui estamos falando de RCP não de quem sabe ler e escrever melhor que o outro.Vamos ter ética em primeiro lugar.Fica à dica!!!

Eliene Costa Téc. Enfermagem do Trabalho

Anónimo disse...

Sou chefe de bombeiros e paramedico em Portugal vim aqui para comparar tecnicas e para ver se aprendia alguma coisa mas ja estou arrependido.
(A falta de acentuacao deve-se ao teclado Alemao)